Por


Como os micromomentos podem impactar seu negócio

Imagine que você está reunido com um grupo de amigos e bate aquela fome. A primeira saída, feita de forma simultânea entre todos, é buscar as informações nos buscadores e nas redes sociais. Qual o melhor lugar, melhor japonês, melhor restaurante, burger premium da cidade, entrega rápida. Todos são termos que você buscaria para encontrar o que deseja. Bom, para esse pequeno recorte do seu dia, o Google chamou de micromomentos. São segundos em que você deseja saber algo e faz um procura querendo encontrar respostas rápidas, úteis e que te levem às melhores experiências.

Isso revela a exigência do consumidor em trazer sempre as melhores saídas para situações, dúvidas e questões do dia a dia em seu negócio. E isso tem aumentado drasticamente nos últimos anos.

Consumidores mais atentos e rigorosos

Tem aumentado exponencialmente as pesquisas com a palavra “melhor” nas buscas do Google. Isso significa que o consumidor, com o passar dos anos, quer opções verdadeiramente transformadoras para o seu dia a dia. Cabe, portanto, criar ou tanger conteúdos que insiram sua marca neste contexto: tornar-se uma autoridade do seu ramo é questão de vida ou morte para um negócio.

Negócios locais para atender melhor

A geolocalização também tem influenciado bastante as buscas e a inclinação para compras. Na hora de solucionar seu problema revelado em um micromomento, o consumidor tende a escolher o que está mais próximo e viável. E detalhe: ele não quer ter que digitar onde está, as marcas devem utilizar táticas para revelar antes que ele precise perguntar. Quem fizer isso, terá mais impacto na compra. Não adianta só ter bairro, cep, rua. É preciso ter informações contextuais que apresentem, por exemplo, uma hamburgueria boa e por perto só digitando a palavra “burger”.

A hora é cabal para a escolha

Quando o shopper resolve pesquisar e avançar no desejo revelado no micromomento, não basta só estar disponível, ter opiniões positivas e contexto, geolocalização. Mas é preciso estar atento aos horários. Uma reserva de mesa, uma farmácia 24 horas ou uma lanchonete que só abre às 16h. Ele quer saber na hora. Com clareza.

Não há dúvidas de que é preciso transformar negócios para entregar mais e melhor, compreendendo a jornada de compra e o comportamento de consumo do shopper. Há razão para você estar distante desta realidade?


Conteúdo VIP:

Junte-se a milhares de leitores inteligentes e receba atualizações,
artigos e dicas imperdíveis para ter sucesso com a sua comunicação!


Respeitamos sua privacidade. Você está 100% seguro!
Compartilhe: